Artigos JurídicosComo extrair a confissão em um depoimento pessoal ?

Devemos ficar atentos que para o ato acontecer o advogado tem que manifestar-se no início da audiência, por mais que tal pedido conste em sua petição já juntada no processo.Caso o juiz acate o pedido, primeiramente é colhido o depoimento pessoal do autor, depois o réu. O juiz não pode inverter esses atos, lembre-se disso ! Também é importante lembrar que nunca poderá ser pedido para o juiz o depoimento pessoal do seu cliente, ou seja, deve sempre solicitar o depoimento da parte contrária, afinal o objetivo do depoimento pessoal é a confissão da parte. Nesses anos de vivência em audiências participando das mais diversas situações, percebi que esse ato é essencial para a decisão do juiz. Então vamos para a dica prática, se esta advogando para o réu escreva todos os detalhes da petição inicial em relação aos fatos da parte contrária, como nomes, datas, documentos juntados. Dificilmente a pessoa guarda detalhes sobre o processo, e cada contradição que o autor fale em audiência o juiz em sua sentença será considerado como essencial, ou seja, nesse caso tende a ser improcedente o pedido do autor. A parte normalmente fica nervosa, e também poucos advogados adversos instruem o seu cliente para um possível depoimento pessoal.

https://audienciasnrp.com.br/wp-content/uploads/2021/01/PNG-Logo-Prata-letras-brancas-160x160.png
Rua Espírito Santo, 1204, Sala 1201 - Lourdes, Belo Horizonte/MG
(31) 98874-7002 / (31) 3568-3693
financeiro@audienciasnrp.com.br / contato@audienciasnrp.com.br

Siga-nos:

Entre em Contato

Audienciasnrp – Logística Jurídica

Copyright © Audienciasnrp – 2021

WeCreativez WhatsApp Support
Nossa equipe de suporte está aqui para te atender.
👋 Oi, em que posso ajudar?